FPL • ACESSO ALUNO AO SISTEMA AULA

FPL • ACESSO PROFESSOR AO SISTEMA AULA

FPL: a força da COMPETÊNCIA

PUBLICAÇÕES EM DESTAQUE

Edital Monitoria Direito
Edital do Exame de Proficiência
Vagas Remanescentes - 09/02

Parabéns aos candidatos aprovados no Vestibular! Faça já sua matrícula. O horário de funcionamento da Secretaria é de 8h às 12h, 13h às 17h e 18h às 21h30. Documentos exigidos na matrícula:

Todos os documentos listados a seguir, nos itens (a) a (h), devem ser apresentados juntamente com duas cópias.

(a) Certificado e histórico escolar do Ensino Médio;
(b) Certidão de registro civil mais atualizada (certidão de nascimento, de casamento, etc.);
(c) Documento oficial de identidade;
(d) Título de eleitor e do comprovante da última votação;
(e) Certificado de reservista, se do sexo masculino;
(f) CPF;
(g) Comprovante de residência;
(h) Dois retratos 3 X 4 e R$ 6,00 para confecção da Carteira de Identificação Estudantil;
(i) Comprovante de pagamento da primeira parcela (matrícula) através de depósito identificado (colocar CPF) efetuado em qualquer dos seguintes bancos:
   • Banco do Brasil: agência 961-X, conta 4080-0;
   • Banco Bradesco: agência 1934-8, conta 11.631-9;
   • Banco Itaú: agência 3106, conta 26231-8.

O depósito deve ser feito em nome da Fundação Cultural Dr. Pedro Leopoldo devidamente autenticado (não utilizar caixa eletrônico de auto-atendimento) ou cartão de crédito ou de débito. A matrícula também pode ser paga na Área Financeira da Instituição.

Dúvidas? 3686-1461

A FPL classificou-se como a 48ª melhor do País dentre as 1.645 faculdades da lista INEP/MEC e a 8ª melhor de Minas Gerais. De acordo com a Revista Exame, as instituições de ensino com IGC 4 ou 5 são consideradas de excelência.

Confira a matéria “As melhores universidades do Brasil, segundo o MEC”, publicada pelo Portal Exame, disponível neste link: http://goo.gl/T04L2w. Divulgue essa boa notícia em sua rede de contatos.

A conquista deve-se ao trabalho desempenhado com seriedade e competência por toda equipe da Instituição: funcionários técnico-administrativos, professores e alunos.

Outra grande conquista foi obtida pela Escola de Formação Gerencial Sebrae/FPL (mantida pela Fundação), que obteve, em 2013, a maior média das escolas de ensino médio de Pedro Leopoldo e está entre as melhores da Região.

Curso Superior em Gestão Comercial da FPL

O MEC publicou, em 28 de novembro, a portaria que autoriza o Curso Superior em Gestão Comercial da FPL. Com duração de dois anos, o Curso busca desenvolver competências essenciais ao exercício profissional, como fundamentos de marketing, empreendedorismo, técnicas de negociação, gestão de equipes de vendas, gestão do atacado e do varejo, pesquisa de mercado, e-commerce, mídias sociais e formação e gestão de preços, dentre outras, além de conhecer e utilizar tecnologias tanto de comunicação quanto de informação nas estratégias e ações comerciais.

Com uma perspectiva diferenciada, os profissionais serão formados para atender as necessidades dos clientes, fornecedores, parceiros logísticos e organizações, embasados em diversificadas técnicas de gestão em serviços e atendimentos, além de também serem estimulados a desenvolver o empreendedorismo e a inovação, através de diversificadas ferramentas de gestão relacionadas à logística, custos, finanças, e operações de produção.

As principais competências desenvolvidas no Curso serão:

  • Atuar na gestão de áreas comerciais de empresas de qualquer setor e porte;
  • Gerenciar empresas varejistas e atacadistas, serviços e representações;
  • Supervisionar e coordenar unidades de negócios;
  • Dominar as ferramentas de gestão para uma atuação eficaz;
  • Desenvolver estratégias para posicionamento mercadológico de produtos, serviços e empresas;
  • Pesquisar e interpretar as informações relativas ao setor em que atua adaptando-se à capacidade produtiva e ao perfil do público-alvo;
  • Analisar a viabilidade técnica e mercadológica dos produtos a serem desenvolvidos e garantir sua aceitabilidade;
  • Identificar e utilizar novas tecnologias, para informação e comunicação, proporcionando eficácia às estratégias;
  • Estabelecer relações e conexões nos diferentes contextos mercadológicos;
  • Dimensionar e gerenciar equipes de vendas de alto desempenho.

O Coordenador do Curso será o Professor Vinícius Monteiro. Saiba mais sobre ele: http://goo.gl/GlXQ21

Dúvidas sobre o Curso? Assessoria de Comunicação e Relações com o Mercado: fpl@fpl.edu.br ou 3686-1461

Última edição do Evento neste ano debate com empresários do Vetor Norte novas perspectivas para o próximo ano.

Repensar a gestão empresarial com base em planejamento, foco e novas ferramentas, potencializando o negócio, que deve ser direcionado ao mercado e cliente. Com esse enfoque, Frederico Mafra e Augusto Carneiro conduziram a terceira edição do Café de Negócios, na manhã de quarta-feira, 26 de novembro, no Kero Mais Buffet Eventos, promovido bimestralmente pela FPL (Fundação Pedro Leopoldo).

Frederico Mafra é economista, mestre e doutor em Ciência da Informação e possui experiência em planejamento e gestão estratégica, inteligência competitiva, gestão do conhecimento, marketing estratégico e pesquisa de mercado. Augusto Carneiro é Diretor de Investimentos dos Hotéis Super 8 e Travelodge da Wyndham Hotel Group na América Latina. Possui mais de 10 anos de experiência nas áreas financeira e gestão. Atuou como gerente financeiro da Drogaria Araújo e é administrador e especialista em finanças avançadas, auditoria e controladoria.

Com atuações diferenciadas no mercado, eles apresentaram um possível cenário econômico pessimista para 2015, porém isso pode sinalizar novas oportunidades de aprimoramento da gestão especialmente direcionada para o mercado e o cliente.

Investir em planejamento e foco para o próximo ano maximizam as possibilidades de diferenciar-se no competitivo mercado, elevando a eficácia empresarial para que a crise transforme-se em oportunidade.

Ao compreender os desejos do cliente, é possível otimizar a performance financeira, através de reduções de custos, evitando gastos desnecessários que podem culminar com demissões e, eventualmente, prejuízos.

Aprimoramento contínuo proporcionado através de programas de educação corporativa e parcerias possibilitam ricas trocas de experiências que ampliam a vantagem competitiva das organizações.

Mais fotos no Fanpage da FPL: facebook.com/fundacaopl

A FPL lançou o MBA Logística e Transporte Rodoviário de Carga em aliança estratégica com o SETCEMG (Sindicato das Empresas de Transportes de Cargas de Minas Gerais). As inscrições serão feitas aqui, em nosso Site. Detalhes sobre o Curso estão disponíveis neste link: http://migre.me/mvsBe.

O MBA Logística e Transportes de Cargas (TRC) será coordenado pelo Professor Walter Cerqueira. No ano passado, em permanente contato com profissionais do SETCEMG e as empresas associadas, ele recebeu a demanda para a criação dessa especialização e, na época, articulou, com a Coordenação do Curso de Logística, a criação desse Curso na FPL.

Portanto, FPL e SETCEMG propõem o MBA em Logística e TRC com o objetivo de propiciar aos participantes uma pós-graduação lato sensu com sólida base conceitual que permitirá a transferência imediata dos conhecimentos adquiridos nas aulas para o dia a dia das empresas.

Com ênfase em Gestão, Operação e Regulação, esse inédito programa conjuga teoria e prática com forte incentivo para o desenvolvimento de estudos aplicados a situações experimentadas pelos alunos ou propostas por empresas convidadas.

O novo projeto é direcionado a profissionais com formação superior que atuam ou pretendem atuar na área de Logística e Transporte Rodoviário de Cargas possui vasto campo de atuação, absorvendo profissionais das mais diversas áreas e envolvimento conhecimentos de engenharia, operação, gestão, sustentabilidade e direito.

O MBA Logística e Transporte de Cargas terá carga horária de 380 horas, iniciará suas aulas entre fevereiro e março do ano de 2015 e as aulas serão ministradas na sede do SETCEMG, em Belo Horizonte (Antônio Abrahão Caran, 728, São José).

Serão 14 encontros de imersão de 27 horas, divididas em 3 dias e que acontecerão aproximadamente a cada 45 dias. Isso facilitará o planejamento da agenda dos participantes e evitará saídas semanais da empresa e de suas rotinas.

Dúvidas e informações: Assessoria de Comunicação e Relações com o Mercado: fpl@fpl.edu.br.

A UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais) premiou, na sexta-feira, 17 de outubro, no Auditório da Reitoria, as ex-alunas do Mestrado Profissional em Administração da FPL, Magda Auxiliadora dos Santos Barbosa Bastos, Fátima Aparecida de Carvalho e Carmelita Angélica Guimarães.

As dissertações produzidas por elas foram congratuladas com relevância acadêmica na IV Jornada de Produção de Conhecimento, evento anual organizado por vários setores da UFMG, que conta com a participação de toda a comunidade acadêmica em diversas atividades, proporcionando momentos de reflexão e de trocas de conhecimentos, favorecendo o desenvolvimento do saber científico. A premiação integrou a Semana Nacional de Ciência e Tecnologia, que, nesta edição, teve como tema “Ciência e Tecnologia para o Desenvolvimento Social”.

As ex-alunas Magda Auxiliadora, Fátima Carvalho e Carmelita Guimarães foram orientadas, respectivamente, para a produção dos estudos pelas professoras Dra. Amyra Sarsur, Dra. Ester Jeunon e Dra. Vera Cançado. Os títulos dos trabalhos agraciados foram: “Liderança e Gênero: um estudo de caso na Universidade Federal de Minas Gerais”, “Motivação para o trabalho e comprometimento organizacional: um estudo com servidores técnico-administrativos da Escola de Engenharia da Universidade Federal de Minas Gerais” e “Desvelando conseqüência do assédio moral: a voz do assediado”.

A FPL parabeniza as ex-alunas, as professoras e ao Mestrado Profissional em Administração pela conquista!

Solidariedade foi o foco da manhã de terça-feira, 21 de outubro, na FPL. A Instituição entregou a 15 entidades filantrópicas da Região, após um Café Solidário, 2,3 toneladas de alimentos arrecadadas junto a Comunidade Acadêmica em função do Dia da Solidariedade.

As ONGs que foram beneficiadas com quantidades igualitárias de alimentos (160 quilos para cada uma delas) são: Fundação José Hilário de Souza (Pedro Leopoldo), LAIITE – Lar de Idosos Irmã Santa Tereza (Pedro Leopoldo), SSVP (Sociedade São Vicente de Paulo) “Central” (Lagoa Santa), SSVP São José da Lapa, SSVP Vespasiano, SSVP Confins, SSVP Pedro Leopoldo, Lar de Idosos Nossa Senhora Auxiliadora (Vespasiano), Grupo Espírita Chiquinha Carvalho (Pedro Leopoldo), Centro Espírita Beneficente Bezerra de Menezes (Pedro Leopoldo), Centro Espírita Luiz Gonzaga (Pedro Leopoldo), Grupo Espírita Pai Guiné (Pedro Leopoldo), Lar para Idosos São Judas Tadeu (Matozinhos), Grupo Espírita Scheilla (Pedro Leopoldo) e Associação Geração Resgate (Pedro Leopoldo).

O Diretor Geral, Carlos Alberto Portela, destaca a importância dessa iniciativa na Instituição. “Essa atitude de doar alimentos reforça o comportamento atitudinal de nossos alunos, professores e funcionários, que tornam-se ainda mais conscientes da importância de ajudar o próximo, despertando a solidariedade individual para futuras contribuições em atividades semelhantes, criando, assim, uma corrente virtuosa do bem”, acredita.

A Diretoria do Grupo Espírita Pai Guiné agradeceu a doação recebida lembrando que os alimentos contribuirão para a campanha “Ajude-nos a ajudar” realizada pela entidade. “Expressamos nossa gratidão por abraçarem conosco esta importante causa. Gesto de grandeza como este é que nos dá força e ânimo para continuarmos o atendimento e o auxílio às famílias que fazem parte dos nossos projetos”, afirma.

O Grupo Chiquinho Carvalho lembra que os donativos entregues pela FPL beneficiarão famílias carente neste final de ano. “Externamos votos de agradecimento pelo gesto de amor e caridade manifestados através das doações que nos foram concedidas, doações estas que, certamente, irão enriquecer o natal de famílias assistidas pelo nosso Grupo”, comenta a Coordenadora do Departamento de Assistência Social, Luciana Regina de Souza Moura.

Uma única característica define com assertividade a missão que o consórcio BH Airport assumiu desde agosto: árdua. Isso porque administrar o Aeroporto Internacional Tancredo Neves, o Aeroporto de Confins, localizado em cidade homônima da Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH), não é uma tarefa fácil. Nos próximos 10 anos, o BH Airport vai investir R$ 1,5 bilhão, sendo R$ 500 milhões até abril de 2016, quando está prevista a conclusão das obras do novo terminal com 14 novas pontes de embarque.

O diretor-presidente do consórcio, Paulo Rangel, participou durante a manhã de ontem de um Café de Negócios realizado pela Fundação Pedro Leopoldo (FPL). Na ocasião, ele abordou os novos grandes projetos para Confins, além de outras iniciativas como a construção de um hotel, do aeroporto-indústria e outras maneiras de atrair investimentos e promover o desenvolvimento local.

A concessão tem duração de 30 anos e o seu principal objetivo, segundo Rangel, é transformar o aeroporto em um hub nacional e internacional, conectando a capital mineira com o restante do mundo. No momento, cerca de 10 milhões de passageiros passam anualmente por Confins e a expectativa é que este número salte para 22 milhões até 2023.

Para conseguir comportar esse fluxo, o BH Airport também investe na construção de uma nova pista, que deve ser concluída no máximo até 2020. Entretanto, Rangel salientou que ela pode ser finalizada antes do esperado. Atualmente, Confins tem 102 mil decolagens por ano e a nova pista deverá ser entregue antes que o número alcance 198 mil, o que pode acontecer antes de 2020. Por isso, os projetos começam a ser desenvolvidos entre o fim de 2016 e início de 2017.

"Com isso, se houver necessidade vamos ser capazes de implantar a nova pista antes do previsto. O aeroporto conta com uma única pista e este é um grande limitador, pois assim é inviável ampliar a quantidade de pousos e decolagens, sobretudo nos horários de pico", lamenta. Rangel ainda adiantou que o Plano de Melhoria de Infraestrutura (PMI) para os próximos dez anos já foi entregue à Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). Ele inclui esses dois grandes projetos, além de outras intervenções de menor porte.

Desafio - Um dos maiores desafios do BH Airport neste momento são as obras de reforma e ampliação do terminal de passageiros já existente. Até agora, apenas 51% das intervenções - que deveriam ter sido finalizadas antes da Copa do Mundo - foram entregues. Além disso, o consórcio Maquise Nomatel declarou no início deste mês que não tem a intenção de renovar o contrato, vigente até novembro, em função de "acentuado desequilíbrio econômico-financeiro contratual".

Rangel frisou que, embora as obras sejam de responsabilidade da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero), a situação está sendo avaliada em conjunto com o BH Airport. "Estamos discutindo com a Anac o que será feito, pois isso interfere diretamente nas obras que nós devemos executar. Existe, inclusive, a possibilidade de assumirmos as obras, mas com algum reequilíbrio no contrato, pois o custo será superior a R$ 150 milhões",afirmou.

Construção de hotel já está liberada

O diretor-presidente do consórcio BH Airport, Paulo Rangel, declarou que, de todo o faturamento gerado pelo aeroporto de Confins, 70% são receitas aeroportuárias e outros 30% da área comercial, o que inclui o aluguel de espaços para diferentes segmentos, gerando oportunidades de investimento para o empresariado. Entre os empreendimentos já confirmados está a construção de um hotel dentro da área do aeroporto, que será de responsabilidade da GPJ Administradora de Hotéis, com sede em Porto Alegre.

"Houve uma série de exigências da Prefeitura de Lagoa Santa e, por isso, o projeto foi aprovado há pouco tempo e em breve deve começar a ser implantado. Pretendemos desenvolver mais a área comercial e as possibilidades são inúmeras, basta olhar o que já é realidade nos grandes aeroportos internacionais, verdadeiras cidades. Confins tem um potencial muito grande e o nosso papel é fazer com que as coisas aconteçam", salientou.

Outra opção para atrair novos investimentos é a construção do aeroporto-indústria, uma bandeira bastante defendida pelo governo de Minas. Rangel, porém, frisou que não será fácil tirar a ideia do papel, uma vez que é necessária a autorização da Receita Federal, por se tratar de uma área alfandegária. Conforme ele, três empresas já manifestaram interesse no projeto, que em breve terá novas ações divulgadas.

Fonte: jornal Diário do Comércio.
Fotos: Alysson Martins.

Dr. José Edson Lara (foto), Professor do Mestrado Profissional em Administração, ministrou o curso “Managing Technology Driven Projects” (Gestão de Projetos Orientados para a Tecnologia), na Bentley University, em Massachusetts (EUA), junto com docentes da Uninove (Universidade Nove de Julho) e também de outros países.

Ainda na Bentley University, Professor José Edson apresentou o trabalho científico “Sensory Analysis: Aplication to the Gastronomic Event Menu” (Análise Sensorial: Aplicação em um Evento Gastronômico). Esse estudo que integrou os “Tópicos Avançados em Gestão de Projetos” resultou de uma dissertação elaborada por Yandira Neto Custódio, que foi orientada pelo Professor José Edson. A dissertação teve também contribuições dos professores Dr. Ronaldo Lamounier Locatelli e Dra. Maria Celeste Reis Lobo Vasconcelos.

Essas atividades compõem o Programa de Internacionalização do Mestrado Profissional em Administração, realizado através de aliança estratégica com a Uninove. O mestre Carlos Ronan de Alvim Braga também participou das atividades em Bentley.

Estão sendo programadas vistas técnicas e acadêmicas a outras instituições internacionais, como Grenoble (França) e Frankfurt (Alemanha), que serão coordenadas pelo Professor José Edson Lara.

Luís Cláudio da Silva Chaves, presidente da OAB/MG, nomeou o Professor Regis André, Coordenador do Curso de Direito da Fundação Pedro Leopoldo (FPL), como presidente da Comissão de Educação Jurídica da OAB/MG. O Professor Amauri Alves também integra essa Comissão.

Instituição articula o empresariado da Região para fomentar debates que impulsionarão o desenvolvimento econômico e sustentável do Vetor Norte.

A Fundação Pedro Leopoldo (FPL) realizou, na manhã desta quarta-feira, 30, a primeira edição do Café de Negócios Empresariais (foto).

O Evento promovido pela Instituição reuniu o empresariado regional para um debate sobre as novas oportunidades de negócios e a necessidade de aprimoramento contínuo, sobretudo em Logística.

Para mediar esse debate, a FPL convidou o Presidente do Fashion City Brasil, Gilson Brito Jr.; Jarbas Nassif, Presidente da AV Norte (Associação dos Desenvolvedores do Vetor Norte) e Richard Aldrin Fernandes Custódio, Gerente do Terminal de Cargas do Aeroporto Internacional Tancredo Neves e Coordenador de Facilitação e Atendimento ao Cliente da Infraero (foto).

Gilson Brito observa que a logística será a mola propulsora das operações do Fashion City Brasil. Com a previsão de término das obras para agosto do próximo ano, o maior shopping de moda atacadista da América Latina terá 560 lojas, nas quais circularão, 15 mil compradores mensalmente. “Para transportar essas mercadorias que serão vendidas e também para transportar essas pessoas que viajarão para comprar no Fashion City Brasil, será necessária uma logística arrojada, integrada por vários modais”, explica.

Para também proporcionar um panorama diferenciado sobre a Região, Richard Custódio, da Infraero, mensura que o Terminal de Cargas transporta, anualmente, R$ 10 bilhões em carga e tem 340 voos diários, que culmina com circulação média de 30 mil pessoas, com um expressivo potencial para expansão, especialmente com a instalação de novos empreendimentos no Vetor Norte. “Os olhares do Brasil e do mundo se voltarão para Minas Gerais e, em especial, para o Vetor Norte”, comenta Richard Custódio.

Prezando pela sustentabilidade, o Presidente da AV Norte, Jarbas Nassif, lembrou sobre a necessidade da reflexão sobre o desenvolvimento econômico atrelado à qualidade de vida.

Mão de obra qualificada

Com as gradativas mudanças da Região, faz-se imprescindível a mão de obra. “Com o processo da concessão do Aeroporto precisaremos de mais de duas centenas de novos profissionais. Estas pessoas, que serão contratadas, precisarão ser qualificadas para atuar nestes postos de trabalho, especialmente em Logística”, frisa Richard Custódio.

Os professores do Curso de Logística, Emmerson Brito e Roney Rajão observam que os conhecimentos nesta área podem fazer a diferença em todas as organizações. “Com um investimento mínimo, conseguimos resultados fantásticos. Um de nossos alunos economizou mais de 300 mil com a organização de estoques”, destacam.

Articulação com o empresariado da Região

O Diretor Geral da FPL, Carlos Alberto Portela, lembra que a Instituição articulará novos encontros com os empresários e gestores da Região para conversar sobre outros variados temas visando o aprimoramento contínuo para a promoção do desenvolvimento sustentável no Vetor Norte.

Aliança estratégica pretende diplomar 500 gerentes de vendas que também poderão atuar no maior shopping de atacado de moda da América Latina.

A Fundação Pedro Leopoldo (FPL) e o Fashion City Brasil (FCTY) abriram as inscrições para a Capacitação de Gerentes. Com duração de 44h/a, o novo Curso será ministrado na sede da FPL, com aulas presenciais que prepararão o candidato para coordenar equipes, compreender o comportamento do consumidor, relacionar-se com o cliente, definir metas, contabilizar custos fixos e variáveis, mensurar indicadores financeiros, além de outros conceitos essenciais para o desempenho potencializado de um gestor.

As inscrições já estão sendo feitas aqui, no Site da FPL. O candidato pode escolher entre duas opções para ingressar na Capacitação de Gerentes: aulas de segundas à quinta-feira à noite, de 18h30 às 22h30 OU sexta-feira à noite, de 18h30 às 22h30 e sábados de 8h às 17h. Os pré-requisitos para ingressar nesta Capacitação são: ter mais de 18 anos, preferencialmente ensino médio completo e experiência em vendas. As primeiras turmas do Curso iniciarão em agosto.

Existe a possibilidade de contratação pelo FCTY?

Sim, porém o processo de seleção é feito pelos lojistas. O FCTY disponibilizará o cadastro de todos os participantes para auxiliá-los nisso. Estima-se que a média salarial de gerentes será de R$ 3 mil para trabalhar de segunda à sexta-feira, de 8h às 18h.

CAPACITAÇÃO DE VENDEDORES

Permanecem abertas também aqui, no Site da FPL, as inscrições para a Capacitação de Vendedores. A meta da aliança estratégica é capacitar 1,5 mil vendedores até o final deste ano. Já foram diplomados mais de 300 alunos neste primeiro semestre.

Dúvidas? Assessoria de Comunicação e Relações com o Mercado: fpl@fpl.edu.br ou (31) 3686-1461

Aliança estratégica diploma mais de uma centena de alunos para excelência no atendimento. Até o final do ano, serão diplomados mil vendedores. Novas turmas iniciarão em maio.

O papel do vendedor no mercado, a percepção de valor para o cliente, principais perfis de consumidores, negociação e vendas adicionais são alguns dos conceitos aprendidos na Capacitação de Vendedores. Realizado através de aliança estratégica entre a Fundação Pedro Leopoldo (FPL) e o Fashion City Brasil (FCTY), o Curso diplomou, na primeira quinzena de abril, as suas primeiras turmas.

Com duração de 16h, a Capacitação de Vendedores habilita os alunos a diferenciarem-se no competitivo mercado de trabalho e também a desempenharem essa função no maior shopping atacadista da América Latina.

Para o Diretor Geral da FPL, Carlos Alberto Portela da Silva, e a Coordenadora do Núcleo de Educação Corporativa, Adriana Rocha de Cerqueira, essa aliança estratégica já materializa um expressivo impacto positivo na Região. “As avaliações feitas pelos aproximadamente 100 alunos das três primeiras turmas do Curso comprovam que a estratégia de preparar mais de mil vendedores, ao longo deste ano, está sendo totalmente exitosa. Um empreendimento da magnitude do FCTY não poderia prescindir de uma iniciativa como essa. Nossa equipe tem dedicado total atenção ao Projeto, monitorando e analisando, permanentemente, o andamento das turmas e, sempre que necessário, promovendo os aprimoramentos que garantem o elevado nível de qualidade do Curso”, detalham.

EXISTE A POSSIBILIDADE DE CONTRATAÇÃO PELO FCTY?

Sim, porém o processo de seleção é feito pelos lojistas. Estima-se que a média salarial de vendedores será de R$ 1,5 mil para trabalhar de segunda à sexta-feira, de 8h às 18h.

Informações? Assessoria de Comunicação e Relações com o Mercado da FPL: fpl@fpl.edu.br ou (31) 3686-1461.

Renovação de Matrícula 1º SEM 2015

Clique no botão abaixo e veja todas as informações necessárias para a renovação de sua matrícula.

Clique Aqui

ALIANÇA ESTRATÉGICA FPL E FCTY

Uma grande oportunidade para capacitação profissional com priorização de mão de obra local.

ENADE 2015

Revista Gestão & Tecnologia

FACEBOOK FPL

Veja mais +

NOVO TÍTULO E TRANSFERÊNCIA EXTERNA

Confira os documentos exigidos para obtenção de novo título e transferência externa. Dúvidas: 31 3686.1461 ou secretaria@fpl.edu.br

SÉRIE DE REPORTAGENS COMPETÊNCIA

Reportagens especiais que mostram cases de sucesso de alunos e ex-alunos da Fundação Pedro Leopoldo. Eles aplicaram os ensinamentos para garantir sucesso profissional. Clique aqui e confira!

CANAL DO VESTIBULAR

Comissão Permanente do Vestibular:

  • Informações com a Assessoria de Comunicação e Relações com o Mercado: fpl@fpl.edu.br ou (31) 3686-1461.
TOPO