FPL • ACESSO ALUNO AO SISTEMA AULA

FPL • ACESSO PROFESSOR AO SISTEMA AULA

INSCREVA-SE AQUI

BAIXE O EDITAL

FPL: a força da COMPETÊNCIA

PUBLICAÇÕES EM DESTAQUE

O Clube Campestre Nuclear doou milhares de lacres para a campanha "Lacre Legal", coordenada pela EFG e apoiada pela FPL Educacional. A Campanha, que incentiva os jovens a serem socialmente responsáveis, troca lacres e latinhas por cadeiras de rodas. Elas são doadas para entidades reconhecidas na região pela prática do bem. A campanha "Lacre Legal" já doou, neste ano, ao Laiite e a Apae Pedro Leopoldo, duas cadeiras de rodas. Graças a colaboração da comunidade, em breve, novas famílias da região também serão beneficiadas. A FPL Educacional e a EFG agradecem ao presidente do Clube Campestre Nuclear, Jaber Issa, pelo empenho e relevante contribuição para a Campanha.

ADMINISTRAÇÃO CONTÁBEIS DIREITO GESTÃO COMERCIAL LOGÍSTICA

A FPL Educacional estabeleceu parceria com o Comitê de Ação Participativa – CAP para desenvolver o Projeto “Mobilizar para transformar. Juntos, podemos!”.

Com o objetivo de promover o desenvolvimento do território por meio da construção coletiva e participativa de estratégias e ações, a LafargeHolcim e o Instituto Holcim, estimularam a criação do CAP em Pedro Leopoldo que é formado por 15 lideranças do município.

Através da ONG Lagoa viva, o CAP juntamente com a FPL buscarão fomentar a interação setor público, iniciativa privada e sociedade civil visando o desenvolvimento do território. Para a realização de uma pesquisa / escuta da comunidade, alunos dos cursos de Graduação da FPL Educacional participaram, na manhã de quarta-feira,17 de maio, de treinamento para a realização desse trabalho voluntário.

Além do treinamento, os alunos atuarão em pesquisa de campo, por telefone e seminários. Mais uma vez, a FPL Educacional reforça a importância na formação de cidadãos com responsabilidade social.

O Portal Mix Notícia divulgou matéria sobre essa parceria. Leia: http://bit.ly/parceria-CAP

Veja mais fotos na Fanpage da FPL Educacional.

Com a proposta de integrar ainda mais a FPL Educacional e a 40ª Subseção Pedro Leopoldo OAB-MG, firmou-se, na noite de quarta-feira, 12, convênio para estabelecer sólida parceria.

A breve solenidade foi realizada na Instituição e contou com a presença do Diretor Geral, Carlos Alberto Portela; do Presidente da OAB, Dr. Flávio Toledo; do Coordenador do Curso de Direito, Prof. Regis André; da Coordenadora do Núcleo de Educação Corporativa, Profa. Adriana Rocha de Cerqueira; do Coordenador do Curso de Pós-graduação em Direito Civil com foco no Novo CPC e Professor do Curso de Direito, Fabrício Veiga, e das professoras do Curso de Direito, Suzana Savoi e Maria Luiza Magalhães.

Através do convênio, a FPL Educacional compromete-se a idealizar e executar cursos, oficinas e seminários na área de Direito para advogados conforme demanda da 40ª Subseção Pedro Leopoldo. Também está contemplado no convênio desconto para cursos de pós-graduação lato sensu e capacitação na área de Direito para profissionais registrados na OAB Pedro Leopoldo. Já pode ser obtido pelos advogados da 40ª Subseção, o benefício proporcionado pelo convênio na Pós-graduação lato sensu em Direito Processual Civil com foco no Novo CPC (Código de Processo Civil) que tem previsão para início em maio.

A iniciativa pretende também oportunizar aos alunos do Curso de Graduação em Direito conhecer o trabalho desenvolvido pela 40ª Subseção. “Nossa intenção é fazer uma de nossas reuniões ordinárias aqui, na FPL Educacional. É importante também para os estudantes terem um contato estreito com advogados que já atuam no mercado, para que eles saibam como será a rotina deles em um futuro breve, especialmente porque a FPL Educacional tem grande número de alunos aprovados no Exame da OAB”, observa Dr. Flávio Toledo.

O Diretor Geral da FPL Educacional, Carlos Portela, frisa que a possibilidade de contato entre a Instituição e a Entidade contribuirá para o cumprimento da missão da Instituição. “Não temos dúvida de que esse convênio estreitará ainda mais o contato entre nós, da academia, com o mercado, corroborando para nossa missão, que é ser parte relevante do desenvolvimento das pessoas, das organizações e da sociedade por meio da excelência na educação e na capacitação”, afirma Carlos Portela.

Reconhecimento do compromisso contínuo com o comportamento ético e desenvolvimento econômico de Pedro Leopoldo e Região. Com essas reverências, o Rotary Club Pedro Leopoldo homenageou a FPL Educacional. O reconhecimento público foi materializado através de um certificado entregue ao Presidente da Instituição, Dr. Ernane da Cruz Laender; ao Diretor Geral, Sr. Carlos Alberto Portela e a Vice-Diretora Geral e Diretora Acadêmica, Profa. Dra. Ilza Tavares Gualberto. Também compareceram a reunião festiva do Clube, representantes do Corpo Gestor da FPL Educacional: o Gerente de Suporte Corporativo, Sr. José Maurício Machado Viana; a Coordenadora do Núcleo de Educação Corporativa e Pós-graduação Lato Sensu, Sra. Adriana Rocha de Cerqueira e a Assessora de Comunicação, Sra. Regiane Santos Barbosa.

Em seu discurso, o Diretor Geral, Sr. Carlos Portela destacou a gratidão e emoção pela homenagem, o alinhamento entre as missões e princípios das instituições, além das coincidentes comemorações dos 50 anos da FPL Educacional e do Rotary Club Pedro Leopoldo, ambos fundados em 1967.

Ainda na solenidade, foram homenageados os ex-presidentes do Clube, os senhores Reinaldo Alves Carvalho, José Celso Barbosa e Samuel Tadeu.

Mais fotos da solenidade podem ser conferidas na Fanpage FPL: https://www.facebook.com/fpleducacional/

A Diretoria da FPL Educacional realizou, na manhã de sábado, 4 de fevereiro, a Reunião Geral de Professores. Na pauta, alinhamento de expectativas para o primeiro semestre deste ano e relevantes informações sobre o Planejamento Estratégico 2017-2021.

Professores, alunos e ex-alunos obtêm expressivo número de trabalhos premiados na 5ª edição do evento científico internacional realizado em São Paulo.

A qualidade das produções científicas garantiu destaque ao Mestrado Profissional em Administração da FPL Educacional, no V Simpósio Internacional de Gestão de Projetos, Inovação e Sustentabilidade (Singep), em São Paulo, em 21 e 22 de novembro. Foram submetidos 623 trabalhos e o melhor artigo do evento científico internacional desta Edição, intitulado “Geração de Energia com Reaproveitamento de Resíduos Sólidos Urbanos – Valuation e Análise de Impacto de um Projeto Piloto em Belo Horizonte”, tem a autoria do Professor Dr. Ronaldo Lamounier Locatteli, Coordenador do Mestrado Profissional em Administração (foto) e do Mestrando em Administração da FPL, Sérgio Fernando Vecchio Salomon.

A FPL Educacional recebeu ainda mais três premiações: um artigo e dois relatórios técnicos. O artigo intitulado “Projeto Ser Criança: Avaliação e Resultados” foi produzido pelos professores Dr. Domingos Antônio Giroletti e Dr. Reginaldo de Jesus Carvalho Lima e também pelo Mestre em Administração, Valter Moreira Rocha Júnior.

Já os relatórios técnicos que receberam menção honrosa pela preciosidade do trabalho foram: “Estudo de Usuário: Necessidades Informacionais de Empresas Contratantes de Pesquisa de Mercado”, produzido pelos Professores Dr. Frederico Cesar Mafra Pereira e Ricardo Vinícius Dias Jordão, a Mestranda Leonora da Cunha Duarte e Maria Carolina Cunha Netto (UFMG); “Gestão de Expectativas das Partes Interessadas: Um Estudo da Percepção dos Profissionais em Gestão de Projetos”, feito pela Professora Dra. Ester Eliane Jeunon, o Mestre em Administração, Alessandro Márcio Martins Dias e a Mestranda Leonora da Cunha Duarte.

Nesta Edição do Singep, o Mestrado Profissional em Administração da FPL Educacional teve 32 trabalhos aprovados, ranqueando-se depois somente da Uninove, anfitriã e organizadora do evento. A produção científica apresentada pela Instituição equivale a 6,2% do total aprovado, um percentual robusto para um Centro de Excelência.

Destes 32 trabalhos aprovados, 11 (nove artigos e dois relatórios técnicos) receberam fast track, que significa avaliação para publicação com brevidade, em destacadas revistas científicas devido à qualidade das produções acadêmicas.

A qualidade dos trabalhos produzidos pelo Mestrado Profissional em Administração da FPL Educacional também pode ser comprovada pelos índices de qualidade e eficiência, produzidos com base nos números disponibilizados pela organização do evento, apresentados a seguir:


Índices de Qualidade/Eficiência (IQE) - V SINGEP

 

IQE1 – Relativo ao Fast Track 

IQE 2 – Referente aos Trabalhos Premiados

 

 

Artigos

Relatórios Técnicos

FPL

1,6368

2,3210

1,6667

Outras

0,9582

0,8601

0,8974


O V Singep contou com expressiva presença de docentes, alunos e ex-alunos do Mestrado Profissional em Administração da FPL Educacional. O Professor Dr. José Edson Lara, Editor da Revista Gestão & Tecnologia, foi apresentador no prestigiado Fórum de Autores, realizado na tarde do dia 21 de novembro.

Sobre o V Singep

O Simpósio Internacional de Gestão de Projetos, Inovação e Sustentabilidade (Singep) tem como principal objetivo ampliar o espaço para a discussão dos temas: Gestão de Projetos, Inovação e Sustentabilidade. É um evento voltado para o público acadêmico e profissional, que prima pela conexão entre a prática e a teoria.

O Singep é realizado pela Uninove, com apoio da Capes, Fapespe e CNPq. As seguintes instituições são parceiras do Singep: FPL Educacional, a FEA-USP, Poli-USP, Unioeste, FIA, PMI, Sphinx Brasil, UFSC, UFMT, Bentley, Suffolk, UPMF Grenoble, ISEG, UFMS, UEL e IPMA.

Gestores de instituições de educação cursam o Mestrado Profissional em Administração com ênfase em Gestão de Organizações de Educação Superior, que está sendo ofertado pela FPL.

Mais de 30 gestores de instituições de educação superior de 10 estados brasileiros estiveram, na semana passada, na FPL. Eles são alunos do Mestrado Profissional em Administração, em uma turma especial com ênfase em Gestão de Organizações de Educação Superior, lançado pela Instituição na quarta-feira, 24 de fevereiro. O Curso é raro no País.

Com duração de dois anos, o Curso de Mestrado Profissional em Administração contém disciplinas de formação geral como Teoria das Organizações, Gestão de Marketing, Finanças Corporativas, Gestão de Pessoas e Gestão de Inovação, e disciplinas instrumentais e metodológicas (métodos de pesquisas qualitativa e quantitativa e pesquisa em administração). Mas o principal diferencial é a oferta de disciplinas complementares voltadas para a gestão de instituições de educação superior, qualificando profissionais deste segmento para atuar com melhor desempenho à frente de instituições que têm um importante papel no desenvolvimento econômico e social de regiões.

O Mestrado Profissional em Administração da FPL tem como área de concentração a Gestão em Organizações, com duas linhas de pesquisa: Inovação e Organizações e Estratégias Corporativas. As linhas de pesquisa são integradas por núcleos. Na linha de pesquisa Inovação e Organizações, o núcleo Gestão do Conhecimento e Inovação investiga novas formas de organizar recursos e o núcleo Organizações e Gestão de Pessoas investiga questões ligadas à estrutura e cultura organizacional e gestão de pessoas em organizações privadas, públicas e do terceiro setor. Já na linha de pesquisa Estratégias Corporativas, o núcleo Marketing e Estratégias investiga a capacidade das organizações de formular e implementar estratégias adequadas ao dinâmico e competitivo ambiente empresarial e o núcleo Finanças Corporativas investiga as estratégias de alocação de recursos e a capacidade de geração de valor pelas organizações.

A turma especial do Mestrado Profissional em Administração com Ênfase em Gestão de Organizações de Educação Superior será coordenada pelo Professor Dr. Ronaldo Lamounier Locatelli e contará com a coordenação adjunta da Professora Dra. Roberta Muriel, recém-contratada da FPL.

A Professora Roberta Muriel é doutora em Educação (Universidade de Sorocaba), tendo desenvolvido sua tese em Avaliação de Instituições de Educação Superior; mestre em Administração pela FPL e graduada em Letras (UFMG). Atualmente, ela é assessora, consultora e ministra cursos por todo o Brasil de Avaliação Institucional e Gestão de Instituições de Ensino Superior. Tem vasta experiência na área de Gestão de Instituições de Ensino Superior e foi coordenadora do MBA em Administração Acadêmica e Universitária, pós-graduação lato sensu desenvolvida pela Carta Consulta, empresa parceira da FPL, na qual ela é diretora.

As aulas serão realizadas em formato modular, em imersão por três dias, a cada dois meses, até o final do primeiro semestre de 2017. De julho a dezembro do próximo ano, os mestrandos se dedicarão a produção da dissertação, orientados por professores doutores da FPL. A Instituição conta a parceria do Tupyguá Brasil Hotel para receber os alunos desta turma em Pedro Leopoldo.

A primeira impressão: compromisso com a elevada qualidade de ensino

Já durante o primeiro módulo de aulas, realizado de 24 a 26 de fevereiro, na FPL, os mestrandos constataram a elevada qualidade de ensino da Instituição. “O Mestrado me surpreendeu pelo nível dos professores e a metodologia”, afirma Deivison Pinto, da Faculdade Fasipe (MT).

Marcelo Miranda, da Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais, vislumbrou a aplicabilidade dos conteúdos aprendidos em sala de aula na rotina profissional, otimizando o desempenho dos gestores de instituições de educação superior. “O Mestrado Profissional em Administração com ênfase em Organizações de Educação Superior representa uma valiosa possibilidade de compreender e intervir positivamente nos processos educacionais”, observa Marcelo Miranda.

Para Patrícia Alves, da Faculdade Alfa, de Almenara (MG), o Curso fomenta também uma rica contribuição profissional. “A turma é composta por alunos de diversas regiões do País, o que possibilita a troca de experiência”, comenta Patrícia Alves.

Para a Diretora Acadêmica da FPL, Profa. Dra. Ilza Tavares Gualberto, “esse curso vem contribuir com o preenchimento de uma lacuna existente na profissionalização da gestão das instituições de educação brasileiras”, destaca a Diretora Acadêmica da FPL.

Mestrado Profissional em Administração

A FPL mantém, desde 2000, o Mestrado Profissional em Administração. O Curso foi o primeiro nesta modalidade em Minas Gerais. Até fevereiro deste ano, o Mestrado Profissional em Administração diplomou 787 mestres.

Esta é a segunda experiência da Instituição em contribuir para o desenvolvimento de um segmento profissional e gerar grandes impactos na sociedade. De 2013 a 2015, a FPL realizou o Mestrado Profissional em Administração, turma especial, com ênfase em Gestão da Segurança Pública, focado para policiais militares e civis de alta patente.

A Instituição também já tem experiência bem-sucedida na oferta de Mestrado Profissional em Administração Modular. De 2011 a 2013, foi ministrado o Curso em formato de imersão para 58 alunos de 13 estados, revelando a qualidade do ensino e pesquisa da FPL e também sua capacidade de atração de alunos de todo o país.

Projeto Social passa a ser gerenciado pela FPL, que receberá, em março, mais de 100 adolescentes da Região para desenvolver a socialização e o resgate da autoestima, além de também terem novas oportunidades de vida.

A Coordenadora do Minas de Sonhos pela FPL, Micheli Ferreira do Carmo Santos, detalhou, no dia 11 de fevereiro, o funcionamento do Projeto Social para colaboradores da Instituição e, no sábado, 13 de fevereiro, para os professores.

A partir deste ano, o Projeto Social será gerenciado pela FPL. Também apoiam esta iniciativa a BH Airport (concessionária que administra o Aeroporto Internacional Tancredo Neves), que assume grande parte dos custos diretos do Projeto, e as prefeituras de Confins, Lagoa Santa, Matozinhos e Pedro Leopoldo. As administrações municipais, além da seleção de estudantes, são responsáveis pelo transporte e alimentação dos adolescentes e a alocação de monitores.

O Minas de Sonhos acolhe 120 estudantes em condição socioeconômica vulnerável com idade entre 14 e 16 anos da rede pública de ensino de Confins, Lagoa Santa, Matozinhos e Pedro Leopoldo.

Durante o período vespertino, os alunos permanecem na FPL, onde eles têm a oportunidade de, sob a coordenação de professores, participar de diversificadas atividades, que vão desde ética e cidadania, passando por arte e trabalhos manuais, inclusão digital até inserção no mercado de trabalho.

A Coordenadora afirma que o Projeto Social ainda prepara o aluno para o competitivo mercado de trabalho. “Além deles se socializarem, resgatarem a autoestima e descobrirem os sonhos deles durante as aulas e também com a convivência no ambiente da FPL, eles são preparados para oportunidades profissionais nas empresas da Região”, explica Micheli Santos.

No Projeto Minas de Sonhos, os estudantes têm ainda a oportunidade de concorrem a bolsas de estudo na EFG/FPL, que adota a metodologia Sebrae. “Temos várias histórias de jovens que correram atrás dos sonhos e conquistaram bolsas de estudo na EFG e tiveram a oportunidade de conhecer um mundo novo e várias outras novas oportunidades”, detalha.

Para o Diretor Geral da FPL, Carlos Alberto Portela, o Projeto Minas de Sonhos é uma iniciativa exitosa ao trabalhar a juventude da Região, juntamente com a iniciativa privada – BH Airport – e o poder público – administrações das quatro cidades.

Micheli Santos lembra que as aulas do Projeto Social iniciarão em março. Para participar do Minas de Sonhos, os jovens precisam cumprir condições, entre elas, estar matriculados em escolas da rede pública municipal de ensino das cidades de Confins, Lagoa Santa, Matozinhos e Pedro Leopoldo, além de ter entre 14 e 16 anos. A seleção dos participantes é feita com o auxílio das diretoras das escolas.

Entidade entrega Selo para apenas 11% de instituições de ensino do Brasil, atestando o diferenciado nível de ensino de alguns poucos cursos de Direito do País. Curso de Direito da FPL integra o seleto grupo.

A OAB Nacional (Ordem dos Advogados do Brasil) entregou, na manhã desta quarta-feira, 13 de janeiro, o selo de qualidade OAB Recomenda para o Curso de Direito da FPL. A cerimônia foi realizada em Brasília, na sede do Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil, e contou com a presença do Presidente da OAB, Marcus Vinícius Furtado Coêlho, do Presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), do CNJ (Conselho Nacional de Justiça), Ministro Ricardo Lewandowski, do Ministro da Educação, Aloízio Mercadante, além de presidentes de diversas Seccionais da OAB e outras autoridades presentes.

O Diretor Geral da FPL, Carlos Alberto Portela da Silva e o Coordenador do Curso de Direito, Professor Regis André, representaram a Instituição na solenidade.

O Selo de qualidade OAB Recomenda atesta o nível diferenciado de ensino de apenas 139 cursos de Direito no Brasil. Este número equivale a somente 11% do número total de cursos (1.266) de Direito existentes no País. Das 139 instituições de ensino selecionadas no Brasil, 78 são públicas e 61 privadas. Em Minas Gerais, 21 instituições de ensino foram contempladas com o selo de qualidade OAB Recomenda.

Para conceder o selo de qualidade OAB Recomenda, a OAB Nacional levou em consideração o índice de aprovação dos alunos nos exames da Ordem e também o conceito obtido pelo curso no ENADE (Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes). O selo é concedido pela OAB a instituições de ensino a cada três anos.

De acordo com o Presidente da OAB, Marcus Vinícius Furtado Coêlho, a entrega do selo OAB Recomenda é um momento de profunda importância para o futuro do Estado Democrático de Direito. “Quando avaliamos os cursos, empreendemos esforços para a melhoria da qualidade do ensino jurídico e o aperfeiçoamento dos que irão exercer o Estado de Direito na prática, que darão concretude às funções essenciais da Justiça, interpretar e aplicar o ordenamento jurídico. Ao formar bacharéis em direito, cuidamos do futuro da nação e da Constituição. A qualidade do ensino jurídico é peça fundamental e indispensável para a formação de profissionais capacitados para uma atuação crítica, competente e compromissada com a realização da Justiça e do Estado Democrático de Direito. As instituições de ensino jurídico têm o papel fundamental de preparar os estudantes para sua vida profissional, para as mais diversas carreiras jurídicas e também para a advocacia”, detalhou o Presidente da OAB em seu discurso durante a solenidade.

O Ministro da Educação, Aloísio Mercadante, parabenizou a iniciativa da OAB. “O MEC tem seus próprios critérios de avaliação de cursos, mas estabelecer um selo de qualidade é uma orientação a mais para os estudantes. Por tudo que a OAB representa para o País, fiz questão de vir aqui dizer que este Selo vale muito”, salienta o Ministro da Educação.

O Presidente do STF, Ministro Ricardo Lewandowski, destacou a importância de boas faculdades formarem bacharéis em direito com formação ampla e multicultural, focada em diversas áreas do conhecimento. Esta formação, segundo o magistrado, permitirá um avanço em políticas que serão essenciais no futuro do País diminuindo a litigiosidade, com métodos alternativos de resolução de conflitos, como mediação, conciliação e arbitragem, e as audiências de custódia, que têm diminuído o número de presos provisórios no Brasil. “É preciso, neste momento histórico, que nós, operadores do direito, tenhamos uma visão crítica e alternativa de nossa prática. Estas 139 faculdades de direito certamente têm visão plural do fenômeno jurídico e estão preparadas para se utilizar dos métodos alternativos, contribuindo para a pacificação do País e a preservação do Estado de Direito, patrimônio inalienável de todos os cidadãos”, acredita o Presidente do STF.

O Coordenador do Curso de Direito, Professor Regis André, o Selo OAB Recomenda atesta a excelência do Curso de Direito da FPL. “O Selo OAB Recomenda atesta que o Curso de Direito da FPL se encontra não somente dentre os melhores cursos de Direito de Minas, mas também, e igualmente, do Brasil. Devemos todos ter o melhor sentimento de satisfação pelo dever cumprido até aqui, de construção de um curso superior de qualidade, nas melhores tradições da FPL, sem, contudo, nos descuidar dos novos desafios que tal qualificação de excelência nos reserva”, observa o Coordenador do Curso.

Para o Diretor Geral da FPL, Carlos Portela, receber o selo de qualidade OAB Recomenda não chega a ser uma surpresa para quem acompanha o dia a dia de uma equipe na busca incansável pela excelência. “Claro que ficamos muito gratificados e honrados com essa condecoração, mas ela apenas vem coroar o trabalho cotidiano da Vice-diretora Geral da FPL, Professora Ilza Gualberto, do coordenador do curso de Direito, Dr. Regis André, de todos os professores e demais funcionários da FPL e também de um grupo de alunos e até ex-alunos que estão engajados na construção da excelência da Instituição. Por isso, parabenizo a todos e peço que comemorem esse grande momento e continuem focados no trabalho sério, pois a manutenção dessa qualidade requer muito esforço e dedicação”, destaca o Diretor Geral da FPL.

Instituição promove Gincana da Solidariedade e movimenta a região para ajudar o próximo. Também foram doados quase três mil itens de higiene pessoal que beneficiarão centenas de famílias auxiliadas por 17 ONGs.

A FPL proporcionou aos alunos, professores e funcionários técnicos-administrativos enxergar além da rotina de trabalho, estudos e lazer. A Instituição oportunizou a chance de a Comunidade Acadêmica ver o próximo com outros olhos.

Eles puderam doar felicidade para pessoas que são auxiliadas por entidades beneficentes na região. Durante o mês de setembro, alunos, professores, funcionários e convidados estiveram mobilizados com a Gincana da Solidariedade.

Os desafios da Gincana foram planejados para despertar a vontade de ajudar ao próximo. “Além da arrecadação de alimentos, nosso intuito é que, a cada ano, estejamos ainda mais próximos, mais integrados. Com a Gincana, todos os envolvidos puderam dar ainda mais valor às ações solidárias e fraternas. Organizamos a Edição 2015, reforçando os momentos de sensibilizar a comunidade acadêmica, de levá-la a participar e de atuarem no feliz momento da partilha”, explica Professora Adriana Cerqueira, uma das coordenadoras do Projeto.

O ponto alto da Gincana da Solidariedade aconteceu na manhã de sábado, 26 de setembro, durante o Dia da Solidariedade, na Praça da Prefeitura, com muita animação e provas que despertaram ainda mais o espírito solidário dos participantes. Nesta manhã, a FPL junto com órgãos públicos, com a Prefeitura Municipal de Pedro Leopoldo e empresas parceiras ofereceram serviços gratuitos e atividades de lazer à comunidade.

As mais de 8 toneladas de alimentos e 2.955 sabonetes e pasta dental foram entregues na noite de quinta-feira, 1° de outubro, com a presença da Direção da FPL, da Comunidade Acadêmica e também de representantes das seguintes ONG´s: Fundação José Hilário de Souza (Pedro Leopoldo), APAE (Pedro Leopoldo), LAIITE (Pedro Leopoldo), SSVP (Sociedade São Vicente de Paula) Lagoa Santa, SSVP Vespasiano, SSVP Confins, SSVP Pedro Leopoldo, SSVP São José da Lapa, Lar de Idosos Santa Terezinha (Matozinhos), Grupo Espírita Chiquinha Carvalho (Pedro Leopoldo), Centro Espírita Bezerra de Menezes (Pedro Leopoldo), Centro Espírita Luiz Gonzaga (Pedro Leopoldo), Centro Espírita Pai Guiné (Pedro Leopoldo), Lar para Idosos São Judas Tadeu (Matozinhos), Grupo Espírita Scheilla (Pedro Leopoldo), Associação Geração Resgate (Pedro Leopoldo) e Fazenda Renascer (Pedro Leopoldo).

Sensibilizados pelo movimento do bem promovido pela FPL, as entidades agradeceram, sensibilizadas, as doações. “Nos momentos mais difíceis é que os anjos da vida chegam para ajudar a quem precisa. Vocês são estas pessoas que a áurea divina iluminou no momento certo”, enaltece João Francisco de Oliveira, Presidente do Lar dos Idosos Nossa Senhora Auxiliadora.

Além da gratidão pelos alimentos, as ONG´s destacaram a alegria de receber as equipes da Gincana da Solidariedade para trabalhos voluntários na sede das entidades. “Este ano foi mais gratificante ainda, pois vocês nos visitaram e fizeram intervenções, desde lanches até dia da beleza. Todos do Lar Santa Terezinha se emocionaram com tanta gente bonita que nos visitaram”, agradece Lauro Marques, Presidente do Lar de Idosos Santa Terezinha.

A Professora Adriana Cerqueira afirma que a FPL foi a grande beneficiada por participar deste grande movimento solidário. “Acreditamos que todos saímos transformados positivamente depois de poder doar um pouco de nosso afeto em ações de solidariedade”, observa.

Realizado deste 2011, o Dia da Solidariedade já beneficiou centenas e centenas de famílias da região com mais de 30 toneladas de alimentos. As ações de voluntariado continuam sendo estimuladas pela Instituição. “Temos certeza que nossa região tem uma multidão de pessoas do bem, especialmente aqui, na FPL. As inscrições para tornar-se voluntário estão disponíveis para aqueles que desejam continuar com esse trabalho que tanto nos engradece como seres humanos”, lembra.

Mestrado Profissional em Administração apresenta, na USP, soluções criativas para problemas organizacionais.

A FPL está envidando esforços para divulgar os estudos e as pesquisas de seus professores e alunos e tornar-se ainda mais conhecida nacionalmente. Com essa finalidade, dentre outras iniciativas, estabeleceu cooperação técnica com a USP (Universidade de São Paulo) e UNINOVE (Universidade Nove de Julho), na organização de eventos acadêmicos. É parceira da UNINOVE no SINGEP (Simpósio Internacional de Gestão de Projetos, Inovação e Sustentabilidade) e é, também, parceira da USP na organização do EMPRAD (Encontro dos Mestrados Profissionais em Administração).

A FPL teve participação destacada no II EMPRAD, realizado nos dias 17 e 18 de agosto, na FEAUSP (Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo). A Instituição apresentou um dos quatro cases da programação do evento. A Professora Dra. Vera L. Cançado e a Diretora de Desenvolvimento da PIF PAF Alimentos, Valéria Maria da Silva Souza, mestre pela FPL, apresentaram o trabalho “Turnover e Clima Organizacional: caso Pif Paf Alimentos”.

Valéria Souza, orientada pela Professora do Mestrado Profissional em Administração da FPL, buscou, por meio de uma robusta sustentação teórica, soluções criativas para os problemas que enfrentava na unidade do Frigorífico de Palmeiras de Goiás da Pif Paf Alimentos. O turnover (rotatividade de pessoal) da unidade 40% superior ao das demais unidades do Grupo implicava em um custo mensal na ordem de R$ 200 mil, além de custos indiretos, como perda de conhecimento e de investimentos com o treinamento de desligados. Para os próximos dois anos, havia a previsão de elevação do volume de produção e, consequentemente, de seu quadro funcional.

Em sua dissertação, Valéria Souza, objetivou identificar os fatores causadores da intenção de turnover, a partir da análise de fatores econômicos, de questões relativas ao clima organizacional e de fatores individuais. Essa visão ampliada do fenômeno permitiu à Diretora de Desenvolvimento da PIF PAF Alimentos um diagnóstico da situação, baseado em rigorosa metodologia cientifica, que deu suporte adequado para a tomada de decisão.

O resultado da pesquisa indicou que o clima organizacional influenciava a intenção de turnover. “Quanto melhor o clima, menor a intenção de turnover”, explica a Professora observando que também as questões da economia local, como escassez de mão-de-obra, e fatores individuais influenciam o turnover.

A partir da pesquisa, a Diretora de Desenvolvimento da PIF PAF implementou um plano de ação com propostas para a redução do turnover, com a revisão dos benefícios, em função do mercado local - readequação das estruturas físicas e processos relativos a refeitórios, transporte e lazer; treinamento das lideranças; projeto Carreiras, Cargos e Salários; revisão de comunicação interna; comitê de ética e implementação do canal ouvidoria. Tais ações contribuíram para redução em 29% na taxa de turnover, no período de 2014 a 2015, com os respectivos impactos financeiros e ganhos sociais.

Para a Professora Vera Cançado, o curso de Mestrado Profissional em Administração possibilita encontrar soluções criativas para problemas organizacionais. “Valéria encontrou uma forma de analisar o problema de turnover que ela vinha enfrentando na empresa de maneira integrada e sistêmica, o que permitiu uma análise mais aprofundada da situação e a consequente correção de rumos. Foi possível entender o turnover não somente a partir dos aspectos organizacionais, mas também de fatores relacionados ao contexto – políticos, econômicos e sociais – e de fatores individuais – características pessoais dos empregados. Saímos de uma perspectiva de causação linear para a visão do fenômeno de forma interdependente e complexa”, detalha.

Durante o EMPRAD, a apresentação do caso levantou várias questões e elogios, especialmente com relação ao rigor acadêmico e à qualidade dos dados. Os participantes destacaram que foram apresentados dados da empresa que comprovam a situação-problema, bem como dados que evidenciaram melhoria nos resultados, a partir de correções sustentadas pelo diagnóstico.

Use o Enem para
estudar na FPL

Clique aqui

Acesso à
Minha Biblioteca

Clique aqui


Revista Gestão & Tecnologia



CALENDÁRIO ACADÊMICO

Maio
Dom Seg Ter Qua Qui Sex Sab
  1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30 31      
26 dias letivos

1 - Feriado
06, 13, 20 e 27 - Sábados Letivos do Mestrado
24, 25, 26 e 27 - Semana de Cursos e Projeto Vitrine
Veja mais +

NOVO TÍTULO E TRANSFERÊNCIA EXTERNA

Confira os documentos exigidos para obtenção de novo título e transferência externa. Dúvidas: 31 3686.1461 ou secretaria@fpl.edu.br

SÉRIE DE REPORTAGENS COMPETÊNCIA

Reportagens especiais que mostram cases de sucesso de alunos e ex-alunos da Fundação Pedro Leopoldo. Eles aplicaram os ensinamentos para garantir sucesso profissional. Clique aqui e confira!

CANAL DO VESTIBULAR

Comissão Permanente do Vestibular:

  • Informações com a Assessoria de Comunicação e Relações com o Mercado: fpl@fpl.edu.br ou (31) 3686-1461.
TOPO